Capture+_2020-02-03-18-40-35.png
banner.jpg
IMG-20191110-WA0069_edited.jpg
  • Facebook
  • Instagram
  • Mikael Sampaio

Tragédia coloca museus na pauta da eleição no Estado



No que diz respeito a propostas de políticas públicas culturais, o cenário estadual não difere muito do nacional. Dos sete candidatos ao Governo de Pernambuco, nenhum deles apresenta indicações de ações para manutenção ou preservações dos museus do Estado em seus programas de governo.

O governador Paulo Câmara (PSB), que inclui a Cultura no segundo eixo do seu programa, afirmou que a preservação e valorização dos equipamentos públicos sempre foram preocupação do seu governo. “Nos últimos três anos e meio, a nossa gestão investiu R$ 308,2 milhões nesta área”, frisou. Ele cita a entrega do segundo módulo do Museu Cais do Sertão e a modernização do Cinema São Luiz.

Armando Monteiro Neto (PTB), apresenta propostas para investir na conservação do Patrimônio histórico e Cultural de Pernambuco, mas também não cita os museus. Ele explicou que, se eleito, fará um inventário do patrimônio dos museus vinculados ao Estado. “Queremos realizar parcerias com empresas privadas para a conservação dos museus, oferecendo incentivos fiscais para quem colaborar. Além disto, iremos destinar investimentos para a divulgar o patrimônio.”

A psolista Dani Portela é a que apresenta um plano mais estruturado para ações culturais, mesmo não citando especificamente os museus. Ela propõe uma rede integrada de equipamentos culturais e obrigatoriedade de bibliotecas, espaços de memória e centros culturais em cada município. O ex-prefeito de Petrolina, Julio Lossio (Rede), registrou uma proposta para revitalização e ampliação de espaços culturais, por meio de estímulos fiscais e parceiras com a iniciativa privada. "Pretendo fazer com que os teatros e os museus façam parte do sistema de educação, com aulas nos equipamentos."

Já Simone Fontana (PSTU) defendeu a garantia de recursos para manutenção, preservação e ampliação dos acervos históricos e investimento em pesquisa. A reportagem entrou em contato com a assessoria do candidato Maurício Rands, mas não obteve retorno. Ana Patrícia Alves (PCO) também não retornou. Foto: STR / AFP

#Eleições2018

0 visualização