IMG-20191213-WA0051.jpg
IMG-20191110-WA0069_edited.jpg
Capture+_2020-02-03-18-40-35.png
  • Facebook
  • Instagram
  • Mikael Sampaio

Pernambuco registra primeira morte por doença meningocócica do ano


O paciente estava internado na unidade de referência. (Imagem: Divulgação)

A primeira morte por Doença Meningocócica (DM) de Pernambuco em 2019 foi notificada. O óbito registrado foi de um homem na faixa dos 40 anos, que morava em Gravatá. A enfermidade é uma infecção bacteriana aguda grave que pode levar à meningite e a uma infecção generalizada (meningococcemia).


O paciente deu entrada no hospital municipal de Gravatá no dia 4 de janeiro. Após a identificação dos sintomas, ele foi encaminhado para a unidade de referência, que é o Hospital Correia Picanço, no Recife. Parte inferior do formulárioCerca de dez pessoas com quem ele teve contato próximo precisaram fazer tratamento de prevenção.


Outro caso registrado neste ano aconteceu em Caruaru. A ocorrência, envolvendo uma mulher de 42 anos, foi comunicada na última quarta-feira (9). A paciente foi atendida na UPA e encaminhada para o Hospital Correia Picanço.


Durante todo o ano de 2018, Pernambuco contabilizou 42 notificações da doença, com 28 confirmações e quatro mortes. Os dados fazem parte do boletim anual do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde do Estado.

4 visualizações