Capture+_2020-02-03-18-40-35.png
banner.jpg
IMG-20191110-WA0069_edited.jpg
  • Facebook
  • Instagram
  • Mikael Sampaio

Mirandiba: Prefeita extrapola lei de responsabilidade fiscal (LRF) e privilegia aliados


A prefeita Rose Cleá Máximo foi marcada por atropelos políticos e administrativos no município de Mirandiba, no Sertão Central no primeiro semestre de sua gestão.

Segundo o site Farol de Noticias - A despesa com pessoal, de acordo com relatório do primeiro quadrimestre, atingiu 73% ultrapassando o limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) que é de 54%. Como se não bastasse, o governo também foi multado por não alimentar o sistema Sagres, do Tribunal de Contas (TCE).

Entretanto, o mais grave, de acordo com relatórios, é que foram feitas despesas em torno de R$ 240 mil na compra de medicamentos a uma empresa em que a proprietária é sogra do ex-secretário de Saúde. O secretário foi exonerado em julho passado.

Ainda, a prefeita já perdeu apoio do vice Hailton Rodrigues que rompeu com a prefeita que tem uma gestão 'patina' quando o assunto é transparência.


0 visualização