Capture+_2020-02-03-18-40-35.png
banner.jpg
IMG-20191110-WA0069_edited.jpg
  • Facebook
  • Instagram
  • Mikael Sampaio

Juros de pagamento mínimo do cartão caem em junho



A taxa de juros do rotativo do cartão de crédito para quem paga o valor mínimo da fatura caiu em junho. A taxa chegou a 230,4% ao ano no mês passado, com redução de 28,1 pontos percentuais em relação a maio, de acordo com dados divulgados nesta quinta-feira (27) pelo Banco Central (BC). A taxa do crédito parcelado caiu 1,8 ponto percentual, para 157,8% ao ano.

O rotativo é o crédito tomado pelo consumidor quando paga menos que o valor integral da fatura do cartão. Desde abril, os consumidores que não conseguem pagar integralmente a fatura do cartão só podem ficar no crédito rotativo por 30 dias. A nova regra, fixada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) em janeiro, obrigou as instituições financeiras a transferirem para o crédito parcelado, que tem taxas menores.

A expectativa é que esse movimento de queda continue nos próximos meses. Na última quarta-feira (26), o Comitê de Política Monetária (Copom), formado pela diretoria do Banco Central, cortou a taxa básica de juros (Selic) em mais 1 ponto percentual, para 9,25% ao ano – a taxa tem influência direta sobre o custo das operações de crédito.

Reunião do Copom

O corte de ontem foi o sétimo consecutivo, e todo esse movimento do BC tem derrubado as taxas cobradas pelos bancos. No ano até junho, os juros médios caíram 6,1 pontos percentuais. Para os consumidores, a queda foi de 9,1 pontos percentuais no semestre; para as empresas, o recuo foi de 3,3 pontos percentuais.


1 visualização