Capture+_2020-02-03-18-40-35.png
Camarao e cia.jpg
banner.jpg
IMG-20191110-WA0069_edited.jpg
  • Facebook
  • Instagram
  • Mikael Sampaio

Ibope confirma: no jogo de rejeições, o PT e Haddad perdem de lavada



Por todo e qualquer critério, a alta rejeição a Jair Bolsonaro parecia ser um dado praticamente imutável. Mesmo no Datafolha na semana passada, em que obteve 16 pontos percentuais à frente de Fernando Haddad, Bolsonaro continuava com uma rejeição maior. Na medição do Ibope, houve uma reviravolta.

Os sonhos recíprocos de ambas campanhas finalistas, de olho na rejeição alheia, era o enfrentamento entre eles. Haddad passou a apostar em um rejeição maior de Bolsonaro e vice-versa.


O resultado das rejeições na pesquisa divulgada pelo Ibope na noite dessa terça-feira (15) caiu como uma bomba nas hostes petistas e foi comemorado nos bunkers bolsonaristas. Teve impacto maior do que a vantagem de 18 pontos das intenções de voto em Bolsonaro. Pelo Ibope, ocorreu uma reviravolta nas rejeições: na última pesquisa, por 43% a 36%, Bolsonaro liderava o placar da rejeição. Pela reviravolta de agora, a rejeição de Haddad pulou para 47% e a de Bolsonaro caiu para 35%.

A campanha petista, que vem batendo forte em Bolsonaro, está atônita.

A conferir.

#Eleições2018

0 visualização