IMG-20191213-WA0051.jpg
IMG-20191110-WA0069_edited.jpg
Capture+_2020-02-03-18-40-35.png
  • Facebook
  • Instagram
  • Mikael Sampaio

Governador de Pernambuco propõe novos requisitos para nomeação do cargo de procurador-geral



Em comemoração ao aniversário de 28 anos da Procuradoria Geral de Pernambuco (PGE-PE), o governador Paulo Câmara assinou uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que altera os requisitos para a nomeação do cargo de procurador-geral no Estado. O texto será encaminhado à Assembleia Legislativa (Alepe) e sugere que a posição seja ocupada apenas por procuradores de carreira ativos ou inativos.

Atualmente, o governador pode nomear para o cargo pessoas com idade a partir de 35 anos, que tenham pelo menos uma década de efetiva atividade profissional. Para o procurador-geral do Estado, César Caúla, a mudança representará a valorização da carreira.

“É uma carreira instituída e amadurecida ao longo do tempo, que conta com quadros qualificados, com amplo conhecimento do funcionamento da administração pública e que, por isso, pode prestar à população um serviço de excelência, mas com um profissionalismo ainda maior agora, com a exclusividade para os integrantes da carreira”, ressaltou.


0 visualização