banner technobytes.jpeg
OTa2.jpg
LOGO MEGA.jpg
Banner Aveloz
  • Mikael Sampaio

Escolas de Salgueiro ocupam o 1º lugar no IDEPE e IDEB entre os municípios do Sertão Central

Atualizado: 26 de set. de 2020


As escolas municipais de Salgueiro conquistaram os melhores resultados no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) dos últimos anos. A cidade ficou em primeiro lugar no Idepe e Ideb, entre os oito municípios, da Regional do Sertão Central. Com um trabalho conjunto de ações e projetos nas unidades de ensino implementadas pela Secretaria de Educação, o município alcançou o primeiro lugar entre os municípios do Sertão Central e a 24ª colocação entre as cidades do Estado de Pernambuco.


De acordo com a secretária de Educação, Karla Vasconcelos, os resultados divulgados pelo Ideb com base no ano de 2019 mostram que as mudanças foram essenciais para o salto na qualidade de ensino nas escolas municipais. “Nós conseguimos alcançar o excelente resultado através de um conjunto de ações que foram fundamentais nesse processo. As escolas estavam sucateadas e desacreditadas. Começamos a organizar, fizemos um planejamento, melhoria no transporte escolar”, explicou.


Karla ressaltou ainda que as ações mais significativas feitas para que os resultados melhorassem foram com os professores. “O que realmente fez a diferença foi o investimento nas formações, jornadas pedagógicas e projetos nas escolas, entre eles a AFA – Alfabetização e Aceleração de Aprendizagem para os alunos que distorçam de idade/série”.


No comparativo dos anos de 2015, 2017 e 2019, na 4ª serie/ 5ª ano, percebemos um salto na avaliação da média do Ideb: (em 2015 – 4.9, em 2017 – 5.3, em 2019 – 5.8). Os resultados das escolas municipais de Salgueiro podem ser acompanhados no site: ideb.inep.gov.br/resultado. É possível verificar cada índice separadamente.


Para garantir mais melhorias no desempenho, as escolas estão sendo reformadas e no pós-pandemia vão dar mais estrutura para alunos, professores e funcionários. Já são 17 unidades de ensino que estão passando por reforma.

0 comentário