banner technobytes.jpeg
OTa2.jpg
LOGO MEGA.jpg
Banner Aveloz
IMG-20220720-WA0032.jpg
  • Mikael Sampaio

Dona Ivanise, exemplo de caridade e mãe Salgueirense (In Memoriam)


Na década de 1950 chegou a Salgueiro-PE, Dona Ivanise Valencia Sampaio, uma mulher caridosa, cheia de afeição e amor ao próximo.

 

Dr. Romão Sampaio, Dona Ivanise e seu Filho Paulo Afonso. Foto: Amélia Sampaio

O que podemos falar sobre dona Ivanise? Em 1950 ela chegou a Salgueiro, uma época que nem a eletricidade ainda existia no município.

Ao se fixar na cidade ficou conhecida como mãe da caridade, pois todos os anos fazia o natal dos presos, adotou muitos órfãs, entre eles dez foram seus filhos adotivos.

Ela que conheceu Dr. Romão Sampaio ainda jovem, chegando a namorar com ele aos 13 anos de idade, sendo seu primeiro e único namorado, casando-se após ele se formar como médico e uns dos primeiros da cidade de Salgueiro, onde tiveram um filho Paulo Afonso, ex-prefeito e vereador de Salgueiro.

Dona Ivanise encorajava Dr. Romão a lutar contra a pobreza, na época quando a energia elétrica ainda não era realidade no município, ela acompanhava Dr. Romão em suas consultas, até mesmo na zona rural, onde ela por muitas vezes segurava o famoso candeeiro para Dr. Romão fazer procedimentos como parto e outros.

Dona Ivanise era espírita de nascença e assim professou a sua fé até seus últimos momentos junto com algumas pessoas fundou o Centro Espírita Raio de Luz, onde por muito tempo foi presidente.

Foi diretora da escola Maria Nilza, onde fez várias amigas que foram eternas, por duas vezes foi primeira dama. Tinha imensa afeição e amor por a família Sampaio a qual dizia ser a sua família também.

Uma mulher bastante caridosa e carinhosa com todos, principalmente com os mais necessitados. O amor ao próximo foi a sua grande marca, onde todos a chamava por vida apelido dado por seu neto, Romão Neto, que diante das palavras vida já inspirava amor e dedicação, pois foi assim a sua trajetória.

Dona Ivanise faleceu na noite desta ultima segunda-feira (14), aos 86 anos de idade, no dia primeiro de setembro completaria 87 anos. Uma mulher de trajetória, amor, dedicação e carinho ao povo Salgueirense.


0 comentário