banner technobytes.jpeg
OTa2.jpg
LOGO MEGA.jpg
Banner Aveloz
  • Mikael Sampaio

Covid-19: Pernambuco lidera ranking de transparência no Nordeste e é 4º no país


Pernambuco é o Estado mais transparente do Nordeste quando se trata da divulgação dos dados relacionados à pandemia do novo coronavírus. O Estado está na 4º colocação no ranking de todo o país, com 90 pontos, figurando no nível considerado alto de qualidade dessas informações. Essa análise faz parte do Índice de Transparência da Covid-19 (ITC-19 3.0), estudo realizado pela seccional brasileira da Open Knowledge International (OKBR) – organização não-governamental presente hoje em 66 países, com atuação nas áreas de transparência das gestões e abertura de dados públicos.


Nessa nova divulgação da terceira versão do ITC, que coletou as informações neste mês de agosto, o trabalho destaca que Pernambuco pontuou integralmente quando analisados os dados de casos e óbitos por síndrome respiratória aguda grave (Srag), especificando agente causador. A publicação frisa esse critério nessa rodada por ter encontrado 12 entes (11 Estados e o Distrito Federal) sem pontuação nesse quesito, considerado essencial para identificar um possível agravamento da pandemia ou subnotificação de casos.


A análise também informa que Pernambuco qualificou seu painel de acompanhamento vacinal, ambiente que foi lançado no último mês de junho. Ao todo, o Índice avalia 36 critérios, distribuídos em três temáticas – conteúdo, granularidade e formato – para fazer o ranking nacional, que também inclui, além dos Estados e Distrito Federal, o Governo Federal.


“Durante toda a pandemia, a Secretaria Estadual de Saúde vem trabalhando permanentemente para informar à população sobre os casos da Covid-19 e, desde janeiro deste ano, sobre o processo vacinal. Nesse percurso, estamos atentos às sugestões das nossas áreas técnicas e recomendações dos órgãos de controle, da sociedade civil e do público em geral para qualificar as informações, dando ainda mais transparência aos dados. Acreditamos que essa transparência é indispensável para dialogar com a população sobre a situação da pandemia em nosso Estado e para que, juntos, possamos superar essa grave crise sanitária”, afirma o secretário estadual de Saúde, André Longo.


O gestor reforça que a Secretaria mantém a divulgação diária de boletim epidemiológico com dados dos casos leves, graves e óbitos pela Covid-19, além da vacinação. “Também continuamos realizando nossa coletiva de imprensa online, agora também recebendo presencialmente os jornalistas que queiram participar in loco”, frisa.

0 comentário