banner technobytes.jpeg
Capture+_2021-02-26-11-22-11.png
LOGO MEGA.jpg
Banner Aveloz
banner
OTa2.jpg
banner
  • Mikael Sampaio

Confira o resumo das falas dos vereadores na 15° Sessão Ordinária realizada nesta quarta-feira (12)


A Câmara municipal de Vereadores de Salgueiro/PE realizou nesta quarta-feira (12) a 15° Sessão Ordinária.


Durante a 15° Sessão Ordinária realizada nesta quarta-feira (12), a Tribuna Livre foi usada pelo enfermeiro Claudemir José Nascimento, que tratou da PL 2.564/2020 que institui o Piso Salarial Nacional para enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem. Agradeceu também ao presidente da Câmara, professor Agaeudes Sampaio , pela oportunidade de falar sobre a PL 2.564/2020.


A Diretora do Hospital Regional Inácio de Sá, Gilcia Sá, agradeceu a acolhida da Enfermagem.


A enfermeira Neiva Monteiro, agradeceu o espaço para sua fala e chamou atenção para a conscientização de todos, sobre a situação do Estado, do país e do município. "Um estado, país e uma cidade que não cuidam das pessoas está fadado ao óbito", disse.


A técnica de enfermagem, Francisca Ferreira, pediu união de todos em torno da PL 2.564/2020.

O vereador Léo Parente (PL), iniciou sua fala fazendo um balanço das solicitações do seu mandato. Destacou que sua primeira Indicação, foi solicitando o calçamento da Rua da Glória, reparos nos buracos da Rua Rio Barbosa, solicitado em 8 de fevereiro e até agora não foi atendido. Solicitou a retirada das traves quebradas na quadra da Rua Nova e também não foi atendido. Como tantas outras solicitações, destacadas pelo parlamentar durante seu pronunciamento.


O vereador Erivaldo Pereira (PSB), lembrou que na última quinta-feira, esteve junto com a Bancada do Povo, participando de uma reunião na Vila Produtiva do Negreiro, que desde Janeiro não estão recebendo a verba de manutenção temporária, para o primeiro lote de irrigação. Após a reunião os parlamentares visitaram o Ministério da Integração cobrando esses pagamentos, e foi dado o prazo de pagamento para o dia 14 de maio.


O vereador Zé Carlos (PSB), iniciou sua fala agradecendo pelo privilégio de ser prestigiado com carinho por cada mãe dos bairros que ele visitou para homenageá-las. Lembrou que aproveitou a oportunidade para evangelizar. Parabenizou os enfermeiros pelo seu dia. Apresentou também um requerimento solicitando o patrolamento das estradas que da acesso aos sítios Formiga, Monte Alegre e Campinhos.


O vereador André de Zé Esmeraldo (PL), iniciou sua fala parabenizando o vereador Emmanuel Sampaio, pelo nascimento do seu filho Bernardo. Parabenizou também a atuação do Salgueiro Atlético Clube, que chegou a 3° colocação no Campeonato Pernambucano, “Mesmo com o cenário de adversidade”, ressaltou.


O vereador Mariano Barros (PDT), parabenizou o vereador Emmanuel Sampaio pelo nascimento do seu filho Bernardo. Lembrou que mesmo decretando calamidade o município não parou. Respondendo questionamentos de alguns vereadores que antecederam, destacando que a gestão municipal tem prioridades, e a maior é o povo. Lamentou a falta de apoio do dono do Salgueiro Atlético Clube, que é milionário, para com o time e joga toda a responsabilidade para a Prefeitura.


O vereador Henrique Sampaio (PSD), parabenizou o vereador Emmanuel Sampaio, pelo nascimento do seu filho Bernardo. Destacou que ninguém é contra processo licitatório. Aproveitou para questionar o motivo de não retirar o estado de calamidade, já que existe tantos recursos. “Somos contra um estado de calamidade sem prazo para acabar", disse.


O vereador Nildo Bezerra (PDT),apresentou alguns requerimentos, dentre eles, que seja criado um espaço para exibição e vendas no segmento de artesanato e para que o Prefeito interceda junto aos Correios, visando o cadastro do Loteamento Monte Alegre, para que os moradores deste bairro recebam suas correspondências.


O vereador Sávio Pires (DEM), agradeceu a Deus a oportunidade em participar de mais uma sessão e mostrar seu trabalho ao povo. Parabenizou o vereador Emmanuel Sampaio pelo nascimento do seu filho Bernardo. Lembrou que cada parlamentar tem sua prioridade, pelo que foi apresentado. Questionou a população qual seria sua prioridade, a compra de carros? De máquinas? Ou um auxílio emergencial?.


A vereadora Fátima Carvalho (PSB), agradeceu a Deus por estar viva. Destacou a felicidade em receber hoje os enfermeiros e parabenizou a todos pelo seu dia, aproveitou para prestar solidariedade à categoria. Lembrou que 31% da população salgueirense foi vacinada e pediu que a população dobre os cuidados para combater o Coronavírus e suas variantes.


O vereador Baldin (DEM), iniciou sua fala lembrando que todos os pedidos que recebe no seu gabinete, encaminha para o prefeito. Apresentou algumas indicações e requerimentos, dentre eles, solicitando a pavimentação das Ruas Salomão Primo de Carvalho, no Bairro Alto das Abelhas e da Rua Maria América de Sá, no Bairro Primavera.


O vereador o vereador Tiago Arraes (Cidadania), iniciou sua fala falando da felicidade com a notícia da implantação de UTI neonatal no Hospital Regional Inácio de Sá. Feliz também, em ver hoje funcionários da Prefeitura no Instituto Federal fazendo a topografia para criação de novas salas, para o curso de Engenharia Civil. Apresentou um requerimento solicitando requalificação da pista de cooper e todo entorno do açude velho, com iluminação e área de lazer adequada.


O vereador professor Agaeudes Sampaio (DEM), parabenizou o vereador Emmanuel Sampaio pelo nascimento do seu filho Bernardo. Em relação ao concurso público, destacou que o documento do Ministério Público se isenta de qualquer parecer, encaminhou para o Tribunal de Contas de Pernambuco e está aguardando uma resposta. "Se o TCE der o Aval, convocaremos de imediato os concursados”, disse. Lembrou que na Câmara não existe nenhum documento do concurso, foi solicitado a banca. Deixou claro que nenhum funcionário da Câmara está ocupando vaga de concursado.


O vereador Bruno Marreca (PSB), destacou que a política pública dos direitos dos animais está sendo respeitada. Lembrou que o canil Municipal está sendo construído. Ressaltou que em 5 meses, a proposta de campanha Moradia Legal, Crédito Popular, a UPA 24 horas e o curso de Engenharia está saindo do papel, “Depois de Maio não terá mais promessa para ser cumprida”, disse.

0 comentário