banner technobytes.jpeg
LOGO MEGA.jpg
banner
  • Mikael Sampaio

Compesa instala lavatórios publicos em Ouricuri e Salgueiro


Foto: divulgação Compesa

Com o objetivo de minimizar a disseminação da Covid-19, o Governo do Estado e a Compesa instalaram lavatórios públicos de mãos nos municípios de Ouricuri e Salgueiro, no sertão pernambucano. A ação, fruto de um convênio entre a Companhia e o Ministério Público do Trabalho de Pernambuco (MPT), garantiu a instalação de 36 unidades em bairros de 19 cidades do Agreste e Sertão do estado.


Os equipamentos estão disponíveis nas proximidades da Casa Lotérica e Hospital Regional, em Ouricuri, e em Salgueiro, no ponto de apoio Rodoviário Itamaraty e no Hospital Regional. “Com a retomada das atividades do comércio esta ação pretende dar suporte à população, nessa nova rotina, em que hábitos simples, como lavar as mãos, são mais que necessários para reduzir o contágio do vírus”, enfatizou o gerente Regional da Compesa em Salgueiro, Alex Chaves.


PETROLINA

O município de Petrolina também foi beneficiado com o projeto. Três equipamentos estão disponíveis para a população na Rua João Clementino, próximo a Caixa Econômica Federal, na Avenida Souza Filho, na Praça do Bambuzinho e na Rua Governador Eraldo Guerreiros Neto, próximo ao Mercado Turístico, no Centro.


A escolha dos pontos de instalação, segundo o gerente Regional da Compesa em Petrolina, Marcelo Guimarães, foi definida a partir de um mapeamento dos locais mais movimentados na cidade. Produzidos localmente, com mão de obra própria e 90% dos materiais reaproveitados, os equipamentos são compostos por uma pia, recipiente de sabão líquido, porta papel toalha e lixeira.

“Eles funcionam por meio de um mecanismo de acionamento automático, sem que o usuário precise ter contato direto com a pia, o que torna a utilização mais eficiente”, destacou Marcelo, informando que os lavatórios estão ligados diretamente às redes de água operadas pela Compesa, assim como ao sistema de esgotamento sanitário, para o correto descarte e proteção do meio ambiente.
0 comentário