Capture+_2020-02-03-18-40-35.png
banner.jpg
IMG-20191110-WA0069_edited.jpg
  • Facebook
  • Instagram
  • Mikael Sampaio

Ciro responde a quase cem ações por calúnia, difamação ou danos morais



O presidenciável Ciro Gomes (PDT) foi processado por 50 pessoas, nos últimos 25 anos, por calúnia, injúria ou difamação após declarações feitas pelo político. De acordo com o jornal O Globo, o pré-candidato à Presidência acumula quase cem ações e recursos em andamento, oito delas protocoladas neste ano.

Os dados foram coletados nos sites dos Tribunais de Justiça do Ceará, Distrito Federal, Rio de Janeiro e de São Paulo, além do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e do Supremo Tribunal Federal (STF).

Em pelo menos seis dos casos, o ex-ministro foi condenado a pagar R$ 315 mil em indenizações. Os processos que informam os valores das causas somam R$ 914,7 mil.

O caso mais recente que em Ciro se envolveu tem o vereador paulista Fernando Holiday (DEM) como autor do processo. O presidenciável o chamou de "capitãozinho do mato" na última semana.


1 visualização