banner technobytes.jpeg
OTa2.jpg
LOGO MEGA.jpg
Banner Aveloz
  • Mikael Sampaio

Araripina: Câmara aprova por unanimidade, projeto que da gratificações a servidores da saúde


A Câmara de Vereadores de Araripina votou nessa quarta-feira, 27, em sessão reduzida em virtude das medidas de isolamento social, o Projeto de Lei nº 04/2020 de autoria do Poder Executivo que institui uma gratificação extraordinária aos servidores municipais que prestem serviços no combate à Covid-19. O PL foi apresentado no último dia 15 e foi analisado pelas comissões de Constituição e Justiça e de Orçamento e Finanças. Na reunião da quarta-feira (20), vereadores da oposição solicitaram algumas modificações no projeto, que teve que voltar para o executivo que analisou as propostas. A ideia do Poder Executivo é instituir a gratificação extraordinária durante o período da pandemia para os servidores municipais efetivos, comissionados e contratados da Secretaria Municipal de Saúde que prestem serviços essenciais e estejam expostos à contaminação pelo coronavírus em face de participação nas ações de combate à pandemia. O percentual é de 40% calculado sobre a remuneração do servidor e a dotação orçamentária para pagamento será feita com os repasses recebidos pelo município no custeio das ações de enfrentamento. O presidente da Câmara de Vereadores de Araripina, Evilásio Mateus, destacou a importância da aprovação do PL como uma forma de reconhecer financeiramente os profissionais de saúde que estão na linha de frente do combate à Covid-19. “Estes profissionais estão dedicando-se dia e noite para proteger nossa população. Muitas vezes deixando até o próprio convívio familiar como maneira de prevenção. É justo que recebam uma gratificação por todo este esforço. Os vereadores foram sensíveis a este projeto e após alguns ajustes aprovamos por unanimidade”, afirmou. Por Roberto Gonçalves

0 comentário